Laranjinhas doces Doce típico de Santiago do cacém

Santiago do Cacém é uma cidade do Distrito de Setúbal, situa-se na sub-região do Alentejo Litoral. Conta com uma população residente de 6 403 habitantes (2015 INE).

É sede de um dos maiores municípios de Portugal, com 1 059,77 km² de área e subdivide-se em 8 freguesias. É o único município de todo o Alentejo que contém 2 cidades dentro do seu termo. Mais interessante se torna o facto de possuir também 3 vilas.

As escavações efectuadas no Castelo Velho, onde se situam as ruínas romanas de Miróbriga, demonstram que a região foi habitada desde a Pré-história. Uma das figuras mais mediáticas desta cidade é Manuel da Fonseca

As laranjinhas doces têm a forma, o nome, o sabor e até uma folhinha de laranjeira mas não são laranjas, esta iguaria é oriunda de Santiago do Cacém. estes doces têm origem rural mas de uma elegância irrepreensível e um sabor apuradíssimo,

  • Ingredientes
  • Cenouras
  • Laranjas
  • Açúcar
  • Açúcar pilé
  • Água flor de laranjeira (facultativo)
  • Preparação
  • Coza em água simples, cenouras grandes e o vidrado de uma laranja por cada cenoura;
  • Passe pela máquina (moinho ou passe-vite) a cenoura e a laranja cozidas, ponha a massa resultante num pano;
  • E esprema bem;
  • Misture esta massa bem espremida com o seu peso em açúcar, mexa para que o açúcar fique húmido;
  • Se quiser junte umas gotas de água flor de laranjeira e leve ao lume, mexendo sempre, até que atinja um ponto que quase permita modelar;
  • Deixe arrefecer completamente, molde pequenas bolas e passe-as por açúcar pilé;
  • Seque ao sol ou vento, de modo a que formem uma película dura por fora.

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.