A missão do lado de cá Carta de apresentação

Quem sou?
Me chamo Júlia, tenho 20 anos,noiva do Rafael e sou natural de Campina Grande mas hoje vivo no Crato/ Ceará em uma base missionária à JOCUM (Jovens com uma missão) onde estou desde fevereiro de 2016, vim fazer um curso de capacitação que tem duração de cinco meses e durante este tempo Deus compartilhou comigo sobre o chamado integral.
O que é Jocum?

Jovens Com Uma Missão é uma missão internacional e interdenominacional, empenhada na mobilização de jovens de todas as nações para a obra missionária. Tem ênfase na mobilização de cristãos para a proclamação da mensagem de Jesus Cristo. Reúne para isto pessoas diferentes trabalhando nas mais diferentes atividades evangelísticas. Entre os missionários, podem ser encontrados jovens, famílias, aposentados, universitários recém-formados e pós-graduados, pessoas vindas de mais de 100 países e denominações evangélicas diferentes, novos crentes, pastores e líderes de igrejas com muitos anos de experiência. No Brasil, as atividades foram iniciadas em 1975 através do casal americano Jim e Pamela Stier, em Contagem MG. Hoje a Missão conta com 53 Escritórios e Centros de Treinamento Missionário espalhados por todas as regiões do Brasil.

Este é o vídeo institucional da JOCUM Sertão que é onde vivo e trabalho.

O que eu faço? Em que trabalho?

Assim como em uma igreja, também somos divididos por ministérios, na JOCUM Sertão atualmente existem 8, trabalho em 2 de forma mais direta que são o Fé Play e o Vidas em Foco e apoio outros dois o NIKO e a EMF (Escola missionária de férias).

O FéPlay tem como estratégia o futebol e o xadrez para atrair o meninos da comunidade que estamos inseridos, uma comunidade bem carente. Temos toda uma rotina com os meninos, treinos de futsal, xadrez, discipulado (também com as famílias), acompanhamento psicológico e trabalhamos também em parceria com as escolas em que nossos meninos estudam.

O Vidas em Foco realiza um trabalho voltado para mulheres, para o tráfico humano estamos vivendo perto da segunda maior rota de tráfico humano do pais, Juazeiro do Norte. Tenho trabalho ajudando a Mariana e já começamos a focar também em crianças que foram ou são abusadas sexualmente, algo que Deus compartilhou muito forte em meu coração. É um trabalho muito desafiador mas cremos que vale a pena, nos esforçar para levar até essas mulheres e meninas o Deus que as ama pelo que são, o Deus que cura e restaura também as feridas da alma.

Como me mantenho aqui?

Diferente de alguns missionários eu não fui enviada pela minha igreja, não tenho o apoio da mesma e sim de alguns dos meus irmãos, da minha família e de alguns amigos que me cobrem em oração e me ajudam financeiramente. Está aqui tem um custo mensal, moradia, alimentação, materiais de higiene pessoal. Porém Deus sempre tem levantado pessoas pra me abençoarem e nunca deixa com que me falte absolutamente nada.

Agradecimento

Obrigada por ler esta carta de apresentação, espero que tenha te edificado de alguma forma. Se tiver o desejo de receber todo mês a carta informativa é só avisar. Peço que coloque a mim e ao Rafael em vossas orações, que Deus abençoe!

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.