Loading

PROLITORAL Iniciativa Cidadã e Profissional para a Defesa Jurídica do Litoral - Espanha

Prolitoral é um coletivo formado por: Ecologistas em Ação, a Associação de Naturalistas do Sul Este (ANSE), Amacora e outros profissionais ambientais e jurídicos da Espanha.

Depois de quase vinte anos de lutas sociais e judiciais pela defesa do Parque Regional “Calnegre e Cabo Cope”, a porta está finalmente fechada para novos apelos da incorporadora.

Este trecho da costa é uma das poucas áreas selvagens remanescentes ao longo da costa de Múrcia e é o lar de plantas únicas e espécies ameaçadas de extinção.

Desde 1992, o Parque Regional Cabo Cope - Puntas de Calnegre é reconhecido por sua importante paisagem ecológica, e valores geomorfológicos, incluindo 700 hectares de habitats internacionalmente reconhecidos, entre os quais estão ecossistemas marinhos prioritários.

Embora o parque tenha sido declarado um parque regional por mais de 30 anos, a administração regional não foi capaz de fazer cumprir a lei e administrar a área. Esta é uma vitória para todos os amantes da natureza, para as gerações futuras, e um grande impulso para uma mudança na gestão do litoral da espanha.
Em outubro de 2020, o Supremo Tribunal da Espanha negou provimento aos recursos de Iberdrola Inmobiliaria SAU, proprietária de um grande terreno na Marina Cope, e declarou a última Sentença do Superior Tribunal de Justiça da Região de Múrcia de 25 de janeiro, de 2019 como definitiva. Foi visto como uma decisão favorável para impedir este desenvolvimento a curto prazo.
A Marina de Cope, pretendia ser um enorme empreendimento comercial e residencial com 9.000 casas, seis campos de golfe, uma marina e hotéis com 22.000 camas.
As zonas costeiras estão entre os ecossistemas mais produtivos e valiosos do mundo. Estes também estão entre os mais vulneráveis. Portos de carvão, usinas nucleares, terminais de gás natural liquefeito, usinas de dessalinização, cais de navios de cruzeiro, desenvolvimento no mar para exploração de petróleo e gás, aqüicultura, mineração do fundo do mar, escoamento agrícola, lixo e desenvolvimento turístico ameaçam as comunidades costeiras e os ecossistemas.

Credits:

1. Darren Tennant; Parque Natural de Cabo Cope; August 29, 2015; (CC BY-NC-ND 2.0). 2. Linda Hartley; Cabo de Cope; December 27, 2010; (CC BY 2.0). 3. Transnational Institute; Ecologistas en acción; May 15, 2010; (CC BY-NC 2.0). 4. Daniel Espejo Fraga; Olea europaea var. sylvestris (costa de Murcia)(detall fulles reduïdes); July 21, 2009; (CC BY-NC-ND 2.0). 5. Daniel Espejo Fraga; Larus cachinnans ssp. michahellis (joven) Verano (Costa de Murcia); July 21, 2009; (CC BY-NC-ND 2.0).