Grandes etapas na história da terra Ciências

Índice

-Introdução:

- Escala Cronoestratigráfica

- A Era do Pré-Câmbrico

-A Era Mesozoica

-A Era Paleozoica

- A Era Cenozoica

A escala Cronoestratigráfica

A escala Cronoestratigráfica é uma escala que define o tempo geológico. Esta é constituída pela Era do Pré-Câmbrico, Era-Paleozoica, Era-Mesozoica e pela Era-Cenozoica.

A era pré-Câmbrica

O pré-câmbrico corresponde ao maior intervalo de tempo geológico, os primeros 4000 M.a .No pré-câmbrico ocorreu a formação da crusta e a atmosfera primitiva originou-se a partir dos gases dos vulcões. A precipitação levou à formação de lagos e oceanos. As primeiras formas de vida apareceram. A composição foi alterada devido à libertação do oxigénio dos seres vivos. As células bacterianas evoluíram para seres mais complexos, há mais de 1000 M.a

Era-Mesozoica

Na era mesozóica existem três etapas: o Triasico, o jurássico, e o cretácico.

Triásico- as condições eram quentes e secas, e favoreciam o desenvolvimento das gimnospérmicas(plantas sem flor) e dos répteis. Os dinossáurios foram os que dominaram está era, enquanto que os mamíferos mantiveram um tamanho reduzido e apareceram as amoites.
Jurássico- o jurássico apareceu devido a um intenso vulcanismo. Os animais que viviam no Triasico expandira-se neste período. Neste período apareceram novos animais como o Pterossários que voavam e os Ichthyosauros que era o predador dos oceanos.
Cretácico- os répteis eram dominantes dos mamíferos desenvolveram-se e apareceram as plantas com flor.
Era-Paleozoica

Esta iniciou-se há cerca de 542 M.a. O estabelecimento deste limite temporal deve-se ao aparecimento de organismos com estruturas duras como carapaças, ossos e dentes que facilitam a fossilização. Na Era Paleozoica é possível verificar a evolução dos seguintes seres vivos:E O Ordovício- Onde os seres vivos com conchas

*Câmbrico- foi quando apareceram os trilobites, os corais, dos peixes mais primitivos e dos bivalves.
O Ordovício- os seres vivos com conchas e outros semelhantes a polvos e lulas passaram a ser os organismos mais comuns. Apareceram também peixes semelhantes a lampreias e as plantas mais primitivas iniciaram a colonização dos ambientes terrestres.
Silúrico-a vida retoma após a extinção em massano final do Ordovício. Pântanos ocupados por plantas primitivas e os insetos sem asas iniciam a colonização .
Devónio- os peixes e os insetos tornaram-se os seres mais abundantes. Um dos peixes Dipterus, desenvolve pulmões rudimentares e inicia a colonização dos ambientes terrestres. Este peixe esteve na base da origem dos anfíbios.
Carbónico- Neste o clima torna-se quente e húmido. Nesta as plantas libertavam muito oxigênio para a atmosfera permitindo o crescimento das florestas e a evolução dos primeiros anfíbios.
Pérmico- Neste período o clima torna-se quente e seco e o vulcanismo mais intenso pensando-se que um meteorito terá colidido a terra. Muitos grupos de organismos da era Paleozoica extinguiram-se.
Era Cenozoica:houve um impacto de um meteorito que causou a extensão dos animais que habitavam na era mesozóica e vegetais. Os mamíferos expandiram-se. Há cerca de 6M.a surgiram os primeiros ancestrais.
O Quaternário: iniciou há 1,8M.a e aí ocorreu várias alterações na flora e fauna que originou a quatro glaciações. No intervalo nelas, o clima era mais ameno. Os mamutes foram os animais mais representativos no quaternario.
Trabalho realizado por : Frederico Fernandes n9 e Beatriz Lourenço n2.

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.