Evolução da vida Ciências naturais

Pré-Câmbrico

Divide-se em quatro éons: Fanerozoico, Proterozoico, Arqueano e Hadeano.

Éon Fanerozoico

Na escala do tempo geológico, o Fanerozoico é o éon geológico que abrange os últimos 542 milhões de anos. Teve início com o Cambriano na era Paleozoica com o surgimento de vários animais de concha.

Éon Proterozoico

O Proterozoico é o éon que está compreendido entre 2,5 bilhões e 542 milhões de anos, abrangendo quase metade do tempo de existência da Terra, sendo o mais recente éon do Pré-Câmbrico

Éon Arqueano

O Arqueano,é o éon que está compreendido aproximadamente entre 3,85 bilhões de anos e 2,5 bilhões de anos.

Éon Hadeano

O Hadeano é o éon mais antigo que começou a cerca de mil milhões de anos, com o princípio de formação dos planetas do Sistema Solar. E terminou na Terra a aproximadamente mil milhões de anosqaundo surgiram as primeiras rochas.

Era Paleozoica

Era Paleozoica

Na escala de tempo geológico, o Paleozoico é a era do éon Fanerozoico que está compreendida entre 542 milhões e 245 milhões de anos, aproximadamente. Está divide-se nos períodos: Câmbrico, Ordovíci o, Silúrico, Devónico, Carbónico e Pérmico, do mais antigo para o mais recente. O Paleozóico corresponde praticamente a metade do Fanerozoico, comaproximadamete 300 milhões de anos. Durante esta era havia seis massas continentais principais, que conheceram montanhas enormes ao longo de suas margens, e incursões es e recuos dos mares rasos através de seus interiores, como mares continentais.

Período: Câmbrico

Na escala de tempo geológico, o Câmbrico é o período da era Paleozoica do éon Fanerozoico que está compreendido entre 542 milhões e 488 milhões de anos, aproximadamente. Os primeiros estratos rochosos deste período foram formados em Cambria.

Período: Ordovícico

O Ordovícico é o período da era Paleozoica do éon Fanerozoico que está compreendido entre 488 a 443 milhões de anos, aproximadamente. Os limites de Ordovícico são marcados pela ocorrência de graptozoários planctônicos. As rochas são geralmente os argilitos escuros, orgânico que carregam os restos dos graptólitos e podem ter sulfeto de ferro. Neste período, os terramotos eram frequentes.

Período: Silúrico

Na escala de tempo geológico, o Silúrico está compreendido entre 443 milhões e 700 mil e 416 milhões de anos, aproximadamente.

Período: Divónico

Na escala de tempo geológico, o Devónico é um período que está compreendido entre 416 milhões e 359 milhões de anos, aproximadamente. Neste período, formaram-se muitos depósitos de petróleo e gás natural que temos hoje.

Período: Carbónico

Na escala de tempo geológico, o Carbónico é o período compreendido entre 359 milhões e 299 milhões de anos, aproximadamente. Este período foi marcado por um aumento do nível dos oceanos, que alagou muitas terras baixas criando mares litorâneos rasos. Porém, tal efeito reverteu-se em meados do período. A mudança nos níveis dos oceanos causou uma considerável extinção na fauna marinha, principalmente entre crinoides e ammonoides.

Período: Pérmico

Este é o último período da era Paleozoica. O Pérmico testemunhou a diversificação do amniotas iniciais até os grupos dos mamíferos, tartarugas, lepidossauros e arcossauros. O mundo na época era dominada por um único supercontinete conhecido como Pangea, cercado por um oceano global chamado Pantalassa.

Era Masozoica

Na escala do tempo geológico, o Mesozoico é a era do éon Fanerozoico que está compreendida entre 251 milhões E 65,5 milhões de anos, aproximadamente. A era Mesozoica sucede a era Paleozoica e procede a era Cenozóica. Esta divide-se nos seguintes períodos: Triássico, Jurássico e Cretáceo.

Período: Triásico

Triásico é um período geológico que se estende desde cerca de 250 a 200 milhões de anos. É o primeiro período da era Mesozoica e fica entre o Permiano e o Jurássico. O início e o fim do período são marcados por eventos de extinção em massa. O Triásico começou com a extinção do Permiano- Triásico, que deixou a biosfera da Terra pobre; levaria muito tempo para a vida recuperar a sua diversidade anterior. Terapsídeos e arcossauros eram os primeiros vertebrados terrestres durante este tempo.

Período: Jurássico

Na escala de tempo geológico, o Jurássico cobre 65,3 milhões de anos. O Oceano Atlântico surgiu neste período. O nome Jurássico é devido às montanhas Jura, situadas nos Alpes, que contêm grande quantidade de rochas deste período.

Período: Cretácico

O Cretáceo é o último período da era Mesozoica. Esta era representou uma série de alterações na constituição terrestre. Logo no início da era Mesozoica ocorreu a fragmentação da única grande placa terrestre que havia no mundo, a Pangea. Esta era a união de todos os continentes que conhecemos hoje em apenas uma massa da terra existente da superfície.

Era Cenozoica

Cenozoico na divisão de escala de tempo geológico, é uma era geológica que se iniciou a 65,5 milhões de anos e se extende até a atualidade. É a terceira e última era do éon Fanerozoico e sucede a era Mesozoica. A era Cenozoica está dividida em três períodos: Paleogénico, Neogénico e Quaternário. Entretanto, alguns seres sobreviveram ao período de escassez de comida que se estendeu até ao início da era Cenozoica e foram evoluindo ao longo do tempo até ficar como os conhecemos hoje. A principal espécie a evoluir foi a dos mamíferos. Por causa disto, a era Cenozoicà época vezes chamada "Era dos Mamíferos".

Período: Paleogénico

Na escala de tempo geológico, o Paleogénico é o período da era Canozoica do éon Fanerozoico que está compreendido entre 65 milhões e 500 mil e 23 milhões e 30 mil anos, aproximadamente. A primeira época do período foi a época em que a Terra se recuperou da catástrofe que extinguiu os dinossauros. Os pequenos mamíferos proliferaram e as aves assumiram o topo da cadeia alimentar e o clima ainda era bem quente.

Período: Neogénico

Na escala de tempo geológico, o Neogénico é o período da era Cenozoica do éon Fanerozoico que se inicia há cerca de 23 milhões e 30 mil anos. No Neogénico o clima volta a esquentar e pastos e savanas tornam-se os ambientes mais comuns. A fauna e a flora desse período mostra-se com grande grau de parentesco com a atual.

Período: Quaternário

Na escala de tempo geológico, o Quaternário é o período da era Cenozoica do éon Fanerozoico. O período Quaternário cede o Neogénico. Este teve início há 1,8 milhões de anos e extende-se até à atualidade, ou seja, neste momento, encontramo-nos no período Quaternário.

Trabalho realiz

Trabalho realizado por:

- Rita Zenida, nº16

- Tomás Pereira, nº26

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.