Informativo Mar-Abr '17

Que bom que você clicou e chegou até aqui!

Os últimos meses foram intensos, mas teve bastante comunhão, descanso e diversão! O que eu mais aprendi sobre mim foi que eu não tenho controle sobre nada, o controle na verdade é uma ilusão alimentada pelo medo. Aprendi também que estou no melhor lugar onde poderia estar, um lugar seguro e cheio de pessoas dispostas a caminhar comigo, gente que acredita em mim, mesmo quando eu mesmo deixo de acreditar. Quando chego no meu fim vejo a mão de Jesus estendida para mim. É na minha fraqueza que Sua força me encontra. O que eu descobri? Que é impossível para mim, mas não para Ele. Tudo é possível para Deus.

Nunca conseguirei expressar em palavras tudo que tenho vivido, mas se você quiser ficar por dentro do que rolou nesses últimos meses, te convido a ler e a ver. Fiz esse informativo com muito carinho e, depois que você ler, quero saber o que você achou, tá?

Vem comigo!

Felipe

EFC - Escola de Fundamentos da Comunicação

No dia 7 de abril concluímos a primeira edição da EFC no Brasil. Foi uma aventura e tanto! As últimas semanas da escola foram bem desafiadoras!

Os alunos apresentaram dois projetos públicos: a Noite dos Autores, onde cada um leu uma peça criativa escrita por ele e a noite do projeto da aula de comunicação intrapessoal, onde cada um foi desafiado a sair da sua zona de conforto e assumir um risco. Fui tremendamente ministrado pelas apresentações e me surpreendi com a qualidade dos trabalhos. Eles também entregaram os trabalhos de pesquisa de povos não alcançados ou subculturas e foi um prazer ler as descobertas de cada um. Na última semana eles apresentaram seu grupo para toda a turma e todos aprenderam bastante com a pesquisa de cada um.

Para a formatura tivemos uma pequena celebração durante o culto da base. Um dos desejos dos alunos desde o início da escola era participar do Cordas, na Jocum Monte das Águias, e na última semana fomos para lá fazer o programa e tivemos um churrasco de encerramento, onde os alunos nos honraram de maneira criativa entregando uma pedra para cada um de nós simbolizando o fundamento da EFC no Brasil.

Depois de mais de um ano de planejamento e preparação, chegar ao fim da escola foi gratificante. Ao mesmo tempo em que o cansaço não via a hora da escola terminar, tudo o que vivemos juntos fez com que a despedida deixasse aquele aperto no coração. Alguns alunos são da base e outros decidiram ficar, mas sempre tem aqueles que se vão e nunca sabemos quando veremos novamente. A turma que Deus trouxe para essa primeira escola foi tão especial (e corajosa) e eu sempre lembrarei do que cada um repartiu comigo nesse tempo.

A próxima edição da EFC aqui na base começa em julho de 2018.

Últimas semanas da EFC

Aula na FMA da Jocum Curitiba

Acho que não existe nada mais difícil do que ensinar. Preparar uma aula, orar por cada aluno e entender o que Deus quer falar através de nós é um processo desafiador! Apesar da aula ser a mesma, essa semana de aula sobre Família de Origem na FMA da Jocum Curitiba foi totalmente diferente da semana de aula na FMA aqui na base ano passado. O planejamento de aula que eu fiz mudou totalmente a cada dia e o material que eu já tinha preparado evoului bastante. As aulas foram bem interativas!

O que eu mais gosto quando traduzo ou dou aula é de conhecer e conviver com os alunos e obreiros. Nessa escola essa convivência foi mais que especial, já que todos os obreiros são amigos (tive o prazer de trabalhar nas escolas deles) e os alunos estavam bem abertos para se relacionar. Saí de lá mais cheio do que cheguei.

Idas e Vindas

Tenho refletido bastante sobre essa vida de idas e vindas em Jocum. Outro dia alguém me perguntou como era viver assim e eu tenho pensando muito sobre isso desde então. É um misto de emoções e a saudade impera! Aqui na base passam cerca de mil pessoas cada ano. A maioria vem para seminários curtos, mas muitos vêm para as escolas da Universidade das Nações. Por mais que eu não esteja envolvido diretamente com todas as escolas, não tem como não conhecer e se aproximar de quem chega pra ficar aqui três meses. Costumo dizer que as melhores épocas aqui na base são quando as pessoas chegam (nos conhecemos) e quando saem para o prático (elas saem para a missão). Durante o período teórico das escolas nossa convivência é intensa e eu sempre acabo conhecendo pessoas tão especiais , mas daí essas pessoas vão para o prático e a base fica vazia de novo. Mas a saudade fica e o coração aperta!

Alguns voltam, outros não. Alguns ficam um tempo e vão embora, mas sempre acabo revendo pessoas que passaram por aqui e marcaram minha vida. Fora as que sempre ligam ou mandam mensagens, gente que insiste mesmo diante da minha dificuldade em lidar com aplicativos de mensagens. Sou péssimo em manter contato e por isso as vezes fico meio sem graça de reencontrar as pessoas, mas é incrível como na maioria das vezes é como se não tivéssemos ficado sem nos ver. A gente acaba relembrando tudo que vivemos juntos e falamos sobre o que estamos vivendo hoje, mas sempre fica aquele gostinho de saudade de algo que não volta mais. Gosto de ouvir notícias boas e de ver as pessoas rompendo e crescendo, seja aqui ou em qualquer lugar. O que fica é o que vivemos juntos e os caminhos que estamos traçando, mesmo que distantes, rumo à eternidade.

Amo vocês, família e amigos... de longe e de perto!

Férias!

Assim que a EFC acabou estramos em um recesso de duas semanas e surgiu a oportunidade de passar a primeira dessas semanas em Itajaí/SC, onde eu conheci a base da Jocum Itajaí e revi vários amigos que não via há muito tempo. Aproveitei para descansar, ler, andar de bicicleta e ver o sol nascer na praia. O Dema, a Magda e a família deles nos receberam tão bem, a ETED estava saindo para o prático e amigos queridos passaram para visitar.

Estar lá entre amigos que são praticamente família foi tão bom! Nem preciso dizer que rimos muito e comemos bastante, né? Pizza, churrasco, esfiha e empadinha... cada dia uma comida deliciosa!

Antes de viajarmos para Santa Catarina demos uma passada rápida na casa do Nicholas e da Nathaly, que são amigos antigos que já trabalharam na base. Matamos um pouco da saudade enquanto comemos um churrasco MUITO bom.

Música

Quem me conhece sabe que eu amo música. Dois álbuns recentes embalaram esses últimos meses e foram a trilha sonora da minha vida: The Garden, da Kari Jobe, e On My Side, da Kim Walker-Smith. Os dois álbuns são excelentes do começo ao fim, mas a mensagem da música que dá título a cada álbum é especial para mim. Espero que você curta!

Seminário Raízes e Asas

Voltando para a base achei que ficaria de bobeira por uma semana antes de voltar a trabalhar, mas surgiu a oportunidade de fazer o Seminário Raízes e Asas. Entendi que era uma direção de Deus e na segunda-feira a noite lá estava eu na sala de aula.

Foi um tempo de refrigério onde Deus me lembrou de coisas que eu havia esquecido e me trouxe a memória promessas antigas.

E o futuro, Felipe?

Próximos passos...

Como você já sabe, estou me preparando para ir para a Inglaterra em junho para trabalhar na Escola de Fundamentos da Comunicação, na Jocum Harpenden, por três meses. Já iniciei o processo de solicitação do visto religioso e o próximo passo pagar o valor da solicitação (R$ 950), agendar a entrevista e ir para São Paulo.

Depois que estiver com o visto na mão preciso comprar a passagem e, se Deus quiser, saio daqui no dia 23 de junho. Já terminei o projeto para levantamento de recursos para o visto, a viagem e a estadia e a alimentação durante o tempo na Inglaterra. Em breve compartilharei com você.

Peço que esteja comigo em oração!

Se quiser conversar é só ligar, mandar e-mail ou chamar no WhatsApp, Messenger, etc.

Muito obrigado por gastar seu tempo lendo o meu informativo. Sua presença me alegra e seu carinho faz toda a diferença.

Até o próximo!

Created By
Felipe Delfim
Appreciate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.