Antes do Natal, Carnaval

Texto e fotos de Berg Silva

- E o clima do Carnaval?

- Tá meio fraco ainda. Já era pra estar fervendo.

O diálogo foi entreouvido no balcão da Bodega do Véio, ponto de encontro de intelectuais, moradores e turistas na Rua do Amparo no Centro Histórico de Olinda. É novembro e discute-se ali e na calçada do Bar do Peneira, outro ponto de encontro de artistas e descolados do local, como será este Carnaval.

É nesta região que os blocos, grêmios e associações carnavalescas se encontram na folia e as disputas entre eles produzem histórias que atravessam gerações.

Dali é possível escutar o toque dos metais da Orquestra do Grêmio Musical Henrique Dias onde locais e turistas se acotovelam nas janelas do prédio histórico e se perguntam: Como será este Carnaval com a Cidade administrada por um Prefeito Evangélico pela primeira vez em sua história?

Mais à frente, no Largo do Amparo, um Caboclo de lança sai do boteco onde fora aplacar sua sede ansiosa de folia. Em frente à Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe, a Companhia Frevança de Danças ensaia os passos que levarão para a rua durante o desfile do Clube Cariri Olindense, o Bloco que abre oficialmente o Carnaval da Cidade.

Mais embaixo, Julião, o mestre das máscaras, prepara as "la ursas" que encherão de alegria o povo simples do lugar, formando alas do bicho maluco beleza, máscara consagrada pela música de Alceu Valença.

No Alto da Sé, bonecos gigantes ocupam calçadas e turistas desfilam sombrinhas estilizadas para a dança. Na Praça do Carmo, agentes da cultura local se organizam para impedir a instalação do gigantesco camarote da cervejaria que patrocina o carnaval. Segundo eles, esta é uma novidade que fere a tradição do carnaval popular dos caboclinhos e maracatus, dando um tom elitista a uma festa cuja alegria maior é fazer o povo dançar na rua.

Em Olinda o Natal ainda não chegou, mas o Carnaval já começou!

Agradecimentos: Sonia Souza e Eugênia Lima.

Created By
Projeto Colabora
Appreciate

Credits:

Fotos de Berg Silva

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.