Décimo Sétimo Domingo do tempo comum, Ano A — São paulo, 3 de setembro de 2017

Prelúdio

Leitura [Todos]

Rendei graças ao Senhor, invocai o seu nome,

fazei conhecidos, entre os povos, os seus feitos.

Cantai-lhe, cantai-lhe salmos;

narrai todas as suas maravilhas.

Gloriai-vos no seu santo nome;

alegre-se o coração dos que buscam o Senhor.

Buscai o Senhor e o seu poder;

buscai perpetuamente a sua presença.

Lembrai-vos das maravilhas que fez,

dos seus prodígios e dos juízos de seus lábios,

vós, descendentes de Abraão, seu servo,

vós, filhos de Jacó, seus escolhidos. [Salmo 105,1–6]

Hino “Louvor e Glória” [TD, 119]

Nós louvamos a Deus, pelo dom de Jesus

Que por vis pecadores, morreu sobre a cruz.

Aleluia! Toda a glória te rendemos, sem fim.

Aleluia! Toda a graça te imploramos. Amém.

Sim, louvamos a Deus, pela luz que nos dá,

Luz que as trevas dissipa, e jamais falhará!

Louvaremos sem fim ao Cordeiro de Deus,

Que foi morto, mas vive na glória dos céus.

Vem encher-nos, ó Deus, de celeste fervor,

E fazer-nos sentir teu poder, teu amor!

Oração

Coral — “Oh! Ao Senhor Cantai”

Saudação [Dirigente]

Oração

Interlúdio

Leitura do Salmo 32 [Alternada]

1 Bem-aventurado aquele cuja iniquidade é perdoada,

cujo pecado é coberto.

2 Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não atribui iniquidade

e em cujo espírito não há dolo.

3 Enquanto calei os meus pecados, envelheceram os meus ossos

pelos meus constantes gemidos todo o dia.

4 Porque a tua mão pesava dia e noite sobre mim,

e o meu vigor se tornou em sequidão de estio.

5 Confessei-te o meu pecado

e a minha iniquidade não mais ocultei.

Disse: confessarei ao Senhor as minhas transgressões;

e tu perdoaste a iniquidade do meu pecado.

6 Sendo assim, todo homem piedoso te fará súplicas

em tempo de poder encontrar-te.

Com efeito, quando transbordarem muitas águas,

não o atingirão.

7 Tu és o meu esconderijo;

tu me preservas da tribulação

e me cercas de alegres cantos de livramento.

8 Instruir-te-ei e te ensinarei o caminho que deves seguir;

e, sob as minhas vistas, te darei conselho.

9 Não sejais como o cavalo ou a mula, sem entendimento,

os quais com freios e cabrestos são dominados;

de outra sorte não te obedecem.

10 Muito sofrimento terá de curtir o ímpio,

mas o que confia no Senhor, a misericórdia o assistirá.

11 Alegrai-vos no Senhor e regozijai-vos, ó justos;

exultai, vós todos que sois retos de coração.

Oração Silenciosa

Hino “Comunhão Preciosa” [Estrofes 1 e 3]

Preciosas são as horas

Na presença de Jesus!

Comunhão deliciosa

Da minha alma com a luz!

Os cuidados deste mundo

Não me podem abalar,

Pois é ele o meu abrigo

Quando o tentador chegar.

Se confesso meus temores,

Toda a minha imperfeição,

Ele escuta com paciência

Essa triste confissão;

Com ternura repreende

Meu pecado e todo o mal.

Ele é sempre o meu amigo,

O melhor e mais leal.

Oração Silenciosa

Coral — “Insistência”

Interlúdio

Leitura

Aclamai a Deus, terra inteira,

cantai a glória do seu nome,

dai glória ao seu louvor. [Salmo 66,1-2]

Momento de Louvor

Oração

Culto Infantil

Leitura de Romanos 12,9-21

O amor seja sem hipocrisia. Detestai o mal, apegando-vos ao bem. Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros. No zelo, não sejais remissos; sede fervorosos de espírito, servindo ao Senhor; regozijai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, na oração, perseverantes; compartilhai as necessidades dos santos; praticai a hospitalidade; abençoai os que vos perseguem, abençoai e não amaldiçoeis. Alegrai-vos com os que se alegram e chorai com os que choram. Tende o mesmo sentimento uns para com os outros; em lugar de serdes orgulhosos, condescendei com o que é humilde; não sejais sábios aos vossos próprios olhos. Não torneis a ninguém mal por mal; esforçai-vos por fazer o bem perante todos os homens; se possível, quanto depender de vós, tende paz com todos os homens; não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira; porque está escrito:

A mim me pertence a vingança; eu é que retribuirei, diz o Senhor.

Pelo contrário, se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo isto, amontoarás brasas vivas sobre a sua cabeça. Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem.

Mensagem — Rev. Marcelo Smargiasse

Oração

Bênção Apostólica

Amém Tríplice

Poslúdio
Created By
Marcelo Smargiasse
Appreciate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.