INFORMATIVO Núcleo Regional de Educação de Campo Mourão - edição 01

Superintendente visita CM e anuncia obras em escolas

O superintendente do Desenvolvimento Educacional da Secretaria de Estado da Educação do Paraná, Vitor Hugo Dantas, durante visita técnica a algumas escolas do Núcleo Regional de Educação, segunda-feira, dia 06 de fevereiro, anunciou o começo imediato de 9 obras em escolas estaduais da região.

Em entrevista coletiva aos órgãos de imprensa local, o superintendente revelou o nome das instituições beneficiadas. No município de Campo Mourão serão atendidos os colégios Doutor Osvaldo Cruz, Marechal Rondon e Professor Darcy José Costa. Na região, serão beneficiados os colégios Padre Antônio Vieira (Engenheiro Beltrão), Salles de Oliveira (Campina da Lagoa), General Carneiro (Roncador), Machado de Assis (Barbosa Ferraz), São Judas Tadeu (Quinta do Sol), João Farias (Nova Cantu). O investimento será de R$ 1.075.190,12. O recurso é direcionado para reformas. A data limite para o início das obras é 15 de fevereiro.

Além desses investimentos, estão previstos mais R$ 2.700.000,00 para a reforma de mais 27 unidades escolares na região de Campo Mourão através do Programa Estadual Escola 1000. “O dinheiro já está depositado na conta de cada colégio beneficiado. A melhoria será realizada de acordo com o que cada escola apontou”, destacou o superintendente ao dizer que muitas escolas não recebem melhorias há mais de 10 anos.

Para a chefe do Núcleo Regional de Campo Mourão, Rosimeire Aparecida De Caires, melhorias e ampliações também influenciam no aprendizado dos estudantes. “Os alunos precisam de ambiente saudável, claro, limpo para obterem um ganho pedagógico”, ressaltou.

De acordo com Dantas, paralelo ao programa Escola 1000, estão sendo levantadas demandas de ampliação e outras melhorias. “Estamos visitando escolas, ouvindo diretores e a comunidade”, enfatizou. Segundo ele, estuda-se a possibilidade de se criar um programa estadual de ampliação de refeitórios para as escolas estaduais.

Durante a visita técnica, o superintendente foi acompanhado pela chefe do NRE e por diretores. Em Campo Mourão foram visitados os colégios Professor Darcy José Costa, Estadual de Campo Mourão, Prefeito Antonio Teodoro de Oliveira e o Centro Estadual de Educação Profissional Agrícola.

Adeus a professora Creusa

Faleceu segunda-feira, 06 de fevereiro, a professora de ciências, Creusa Aparecida Estefani Stecanela. Ela atuava no Colégio Estadual Professor Darcy José Costa há mais de 10 anos.

Creusa foi velada na Capela Prever, em Campo Mourão. O corpo encaminhado para o crematório de Maringá. "Ser cremada era seu desejo", disse um colegas de trabalho da professora.

Com problemas de saúde e afastada de sala de aula há mais de um ano, Creusa desenvolveu, no Colégio Darcy Costa, o projeto “Laboratório de Ciências”, cuja finalidade era divulgar aos professores e alunos a importância da utilização dos laboratórios de ciências para a qualidade do ensino e aprendizagem.

Ela planejava ampliar o projeto para uma modalidade itinerante. Alunos seriam treinados para apresentar a outros estudantes e professores, de outras instituições de ensino, a importância pedagógica dos laboratórios.

Creusa estava internada no Hospital Center Clínicas de Campo Mourão havia 30 dias, sendo uma semana na UTI.

NRE realiza orientação sobre Semana Pedagógica 2017

A Equipe de Educação Básica do Núcleo Regional de Educação de Campo Mourão realizou quarta-feira (08), no Colégio Estadual Marechal Rondon, encontro com os orientadores educacionais das 60 escolas da Rede Estadual da região. O objetivo foi orientar a organização da Semana Pedagógica do primeiro semestre de 2017.

Este ano, as aulas na Rede Estadual iniciam-se no dia 15 de fevereiro. Já, os professores retornam com a Semana Pedagógica, dias 13 e 14, quando realizam o planejamento dos trabalhos. “A Semana Pedagógica é um espaço importante para as escolas refletirem sobre suas ações pedagógicas no ano anterior, procurando aperfeiçoá-las ano após ano”, destacou a coordenadora da Equipe de Educação Básica do NRE, Regiane Timóteo.

No primeiro dia da Semana Pedagógica, docentes e agentes educacionais avaliarão o Plano de Ação da Escola e elaborarão as proposições para o Ano Letivo de 2017. No segundo dia, o professores discutirão a importância da Leitura e a Problematização como encaminhamento didático-metodológico nas aulas das disciplinas do Currículo Escolar, método que conduz o estudante a apropriação dos conhecimentos por meio de leitura e resoluções de situações problemas.

“Este encaminhamento é uma sugestão de renovação das metodologias utilizadas em sala de aula. Em vez de priorizar conteúdos que enfatizam a simples memorização, o professor, por meio de encaminhamentos didáticos-metodológicos, e sem descaracterizar a identidade da disciplina que leciona, apresenta para o aluno, situações problemas, para que sejam resolvidas. Para isso, o estudante terá que refletir, ler, escrever, o que lhe conduzirá ao desenvolvimento do senso crítico, habilitando-o a atuar qualitativamente na sociedade”, destacou a chefe do NRE, Rosimeire Aparecida De Caires.

Semana Pedagógica reforça tema priorizado pelo NRE de CM

Leitura, Escrita e Problematização. Esse é o tema que o Núcleo Regional de Educação de Campo Mourão discute com os professores das diferentes disciplinas desde 2014 como eixos fundamentais para garantir a melhoria do processo de ensino e aprendizagem nas instituições de ensino da Rede Estadual da região. Este ano, a Semana Pedagógica, organizada pela Secretaria de Estado da Educação, propõe o tema para a reflexão de todos os professores da Rede de Ensino do Estado do Paraná.

“A sociedade atual exige dos jovens que concluem a educação básica uma maior capacidade de leitura, interpretação e problematização da realidade, bem como a habilidade de resolver problemas cotidianos. Nesse sentido, convém destacar a importância de se manter uma vigilância em torno do processo de ensino-aprendizagem, aprimorando-o segundo as novas demandas que a sociedade apresenta”, diz o texto orientador da Semana Pedagógica.

A Leitura, a Escrita e a Problematização, como encaminhamento didático-metodológico, vem sendo proposto pela Equipe de Educação Básica do NRE como discussão desde 2014. Nos último três anos, a equipe realizou diversas formações para professores, pedagogos, diretores e agentes educacionais no intuito de que a teoria e as técnicas aprendidas fossem aplicadas em sala de aula.

“Os trabalhos não pararão. A Equipe de Educação Básica do NRE está organizando as formações para professores em Leitura, Escrita e Problematização para o ano de 2017. A expectativa é de que os frutos sejam colhidos em 2021, quando os estudantes que iniciaram o 6º ano em 2014 concluirão o Ensino Médio”, comentou a chefe do NRE, Rosimeire Aparecida De Caires.

Para a coordenadora da Educação Básica, Regiane Timoteo, que é licenciada em Pedagogia e Mestre em Educação, a Leitura, Escrita e Problematização, utilizada como encaminhamento didático-metodológico em todas as disciplinas do Currículo Escolar, proporcionará, ao estudante, qualidade na apropriação crítica do conhecimento sistematizado. “É importante que o professor efetive a leitura, a escrita e a problematização como instrumento didático-metodológico, pois, desse modo, ele aproximará o conteúdo ensinado em sala de aula à dinâmica da realidade do estudante. No dia a dia todos nós nos deparamos com texto para ler e escrever e com situações problemas que exigem de nós soluções. Essa é a dinâmica que também deve prevalecer no ensino”, destacou a coordenadora.

Regiane Timoteo assume coordenação da Educação Básica

A ex-assessora pedagógica da Equipe de Educação Básica do NRE - Núcleo Regional de Educação de Campo Mourão, Regiane Timoteo, passou a responder, a partir de fevereiro, pela coordenação da equipe. Ela substitui o professor Eleano Alves, que acumulará as funções de técnico disciplinar e assessor de comunicação.

“A professora Regiane é uma profissional competente, capacitada para exercer a função com toda a maestria. Antes de ser admitida à Equipe, em 2016, passou por um processo criteriosamente organizado para selecionar os mais bem preparados profissionais de pedagogia que temos na Rede. O intuito da chefia do NRE era admitir pessoas que apresentassem perfil pedagógico para atuarem na equipe. A Regiane superou nossas expectativas”, destacou Eleano.

Regiane é licenciada em Geografia, em Pedagogia e mestre em Educação. Ela atuou em escolas municipais e estaduais da Região Metropolitana de Curitiba e no Centro Estadual de Educação Profissional Agrícola de Campo Mourão. Admitida em novembro de 2016 ao Núcleo Regional de Educação, trabalhou como assessora pedagógica até o mês de janeiro.

“É um desafio conduzir a maior pasta do Núcleo Regional de Educação. Mas, acredito na equipe que temos, no comprometimento e na compreensão de cada técnico do setor. Em equipe superaremos os desafios e ofereceremos aos professores, diretores, pedagogos, alunos e pais, um serviço de qualidade”, disse Regiane.

Novos técnicos reforçam equipe da Educação Básica

O time de técnicos pedagógicos do setor de Educação Básica do Núcleo Regional de Educação ganhou mais três integrantes. Trata-se dos professores José Antônio, Mariusa Cristiane e Wanessa Gorri. Com o reforço da equipe técnica pedagógica, pretende-se intensificar a aproximação pedagógica entre NRE e instituições escolares.

O professor José Antônio será o responsável pelas disciplinas de sociologia e filosofia e das ações da Seed para a juventude. A professora Mariusa Cristiane atenderá as disciplinas de Inglês/Espanhol e o Centro de Línguas Estrangeiras Modernas (CELEM). Já, a professora Wanessa Gorri, prestará assessoria pedagógica a equipe de Educação Básica e às secretarias municipais de educação dos municípios da região.

“Com o reforço da equipe, serão intensificadas as ações pedagógicas direcionadas para professores e pedagogos. A meta é assistir as escolas visando fortalece-las nos esforços de melhoria do ensino e a aprendizagem dos estudantes atendidos”, frisou a chefe do Núcleo Regional de Educação, Rosimeire Aparecida De Caires.

NRE solicita atendimento do SESC às escolas da região

A chefe do NRE - Núcleo Regional de Educação, Rosimeire Aparecida De Caires, solicitou da Unidade do Sesc de Campo Mourão, a oferta de sala de apoio à aprendizagem em escolas da região. O pedido aconteceu quinta-feira (9), durante reunião, na sede do NRE.

“Lançamos a ideia e oficializaremos a solicitação. O gestor da unidade local do Sesc não nos garantiu nada, mas também não descartou a possibilidade”, disse Rosimeire. Para que a sala de apoio à aprendizagem do Sesc funcione em escolas da região, com exceção de Campo Mourão, faz-se necessária a contratação, por parte da entidade, de mais professores.

A Secretaria de Estado da Educação e o SESC/PR são parceiros no apoio aos alunos do Ensino Fundamental da rede pública que apresentam defasagens pedagógicas, o que facilita a apreciação do pedido. O Programa de Apoio à Aprendizagem ocorre em contraturno para as disciplinas de português e matemática. O eixo de ensino é o Letramento e o Raciocínio Lógico.

Durante a reunião, os representantes do SESC apresentaram à chefia e a nova coordenadora da Educação Básica, Regiane Timoteo das Neves, os projetos educacionais da entidade, a metodologia utilizada nas atividades e discutiram propostas para a formação de professores e agentes educacionais.

Além da chefe do NRE e da coordenadora da Educação Básica, participaram da reunião os técnicos pedagógicos Marcianita Siqueira Bini, Fabíola de Araújo e Eleano Alves. Pelo SESC, estiveram presentes o gerente local, Marcos Batista de Souza, a técnica de educação, Adriana Cristina do Vale e a orientadora de atividades, Valdirene Carpejani.

ACESSE MAIS NOTÍCIAS

Fale com a chefe - rosimeiredecaires@seed.pr.gov.br

NÚCLEO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DE CAMPO MOURÃO

Rua Brasil, 1959 - Centro - CEP 87.302-230 - Campo Mourão - PR | Fone: 44 3518-275

PROGRAMA MINHA ESCOLA TEM AÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO

Av. Água Verde, 2140 - Vila Izabel - 80240-900 - Curitiba - PR - Fone

Created By
Eleano Alves
Appreciate

Credits:

Eleano Alves

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.