Oitavo Domingo Após a Epifania, Ano A — São Paulo, 26 de Fevereiro de 2017

PRELÚDIO

LEITURA [TODOS, EM PÉ]

Bom é render graças ao Senhor

e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo,

anunciar de manhã a tua misericórdia

e, durante as noites, a tua fidelidade,

com instrumentos de dez cordas,

com saltério e com solenidade.

Pois me alegraste, Senhor, com os teus feitos;

exultarei nas obras das tuas mãos.

Por isso, entrai por suas portas com ações de graças! [Salmo 92: 1 a 4 e Salmo 100:4]

CÂNTICO — “CANTAI AO SENHOR” [TD 85]

Cantai ao Senhor um Cântico novo,

Cantai ao Senhor, todas as terras.

Cantai ao Senhor, bendizei o seu nome,

proclamai a Sua salvação.

Anunciai entre as nações a Sua glória,

Entre todos os povos as Suas maravilhas.

Porque grande é o Senhor, mui digno de ser louvado

Mais temível do que falsos Deuses.

Glória e majestade estão diante Dele

força e formosura no Seu santuário!

ORAÇÃO [DIRIGENTE]

SAUDAÇÃO [DIRIGENTE]

LEITURA — SALMO 19

D - Os céus proclamam a glória de Deus,

e o firmamento anuncia as obras das suas mãos.

Um dia discursa a outro dia,

e uma noite revela conhecimento a outra noite.

L1- Não há linguagem, nem há palavras,

e deles não se ouve nenhum som;

no entanto, por toda a terra se faz ouvir a sua voz,

e as suas palavras, até aos confins do mundo.

L2- A lei do SENHOR é perfeita e restaura a alma;

o testemunho do SENHOR é fiel

e dá sabedoria aos símplices.

Os preceitos do SENHOR são retos

e alegram o coração;

o mandamento do SENHOR é puro e ilumina os olhos.

C - O temor do SENHOR é límpido

e permanece para sempre;

os juízos do SENHOR são verdadeiros e todos igualmente, justos.

São mais desejáveis do que ouro,

mais do que muito ouro depurado;

e são mais doces do que o mel

e o destilar dos favos.

D - Além disso, por eles se admoesta o teu servo;

em os guardar, há grande recompensa.

C - Que as palavras dos nossos lábios

e o meditar do nosso coração

sejam agradáveis na tua presença,

SENHOR, rocha nossa e redentor nosso!

HINO — “VÓS, CRIATURAS DE DEUS PAI” [TD 70]

Vós, criaturas de Deus Pai,

Todos erguei a voz, cantai!

Oh, louvai-o! Aleluia!

Tu, sol dourado a refulgir,

Tu, lua em prata a reluzir,

Oh, Louvai-o! Oh, Louvai-o!

Aleluia! Aleluia! Aleluia!

Tu, brisa amena a bafejar

Vós, nuvens que pairar pelo ar,

Oh, louvai-o! Aleluia!

Tu, linda aurora em seu albor,

Tu, suave ocaso multicor,

Oh, Louvai-o! Oh, Louvai-o!

Aleluia! Aleluia! Aleluia!

Vós, homens sábios e de bem,

A todos proclamai também!

Aleluia! Aleluia!

Ao Filho glória, glória ao Pai,

E ao Santo Espírito honra dai!

Oh, Louvai-o! Oh, Louvai-o!

Aleluia! Aleluia! Aleluia!

ORAÇÃO DE ADORAÇÃO

INTERLÚDIO

LEITURA — SALMO 142

L1 - Ao SENHOR ergo a minha voz e clamo,

com a minha voz suplico ao SENHOR.

Derramo perante ele a minha queixa,

à sua presença exponho a minha tribulação.

L2 - Quando dentro de mim me esmorece o espírito, conheces a minha vereda.

No caminho em que ando, me ocultam armadilha.

C- Olha à minha direita e vê,

pois não há quem me reconheça,

nenhum lugar de refúgio,

ninguém que por mim se interesse.

A ti clamo, SENHOR, e digo: tu és o meu refúgio,

o meu quinhão na terra dos viventes.

L1 - Atende o meu clamor, pois me vejo muito fraco.

Livra-me dos meus perseguidores,

porque são mais fortes do que eu.

L2 - Tira a minha alma do cárcere,

para que eu dê graças ao teu nome;

os justos me rodearão, quando me fizeres esse bem.

ORAÇÃO SILENCIOSA

HINO — “CAREÇO DE JESUS” [TD 211]

Careço de Jesus!

De ti, meu Salvador;

Somente a tua voz

Tem para mim valor.

De ti, Senhor, careço,

Do Teu amparo sempre!

Oh, dá-me a tua bênção,

Aspiro a Ti!

Careço de Jesus!

É teu meu coração;

Ensina-me a viver,

Em santa retidão.

Careço de Jesus!

Nas trevas e na luz;

Sem ti a vida é vã

sou pobre sem Jesus.

ORAÇÃO AUDÍVEL DE PERDÃO

INTERLÚDIO

LEITURA CONJUNTA — SALMO 117

Louvai ao SENHOR,

vós todos os gentios,

louvai-o, todos os povos.

Porque mui grande é a sua misericórdia para conosco,

e a fidelidade do SENHOR subsiste para sempre. Aleluia!

HINO — “O GRANDE AMOR DE DEUS” [TD 143]

A Deus demos glória por seu grande amor,

O Filho bendito por nós todos deu

E graça concede ao mais vil pecador,

Abrindo-lhe a porta de entrada no céu.

Exultai! Exultai! E louvai com fervor

A Jesus, exaltai, a Jesus, Redentor!

A Deus Pai bendizemos, porquanto do céu

Seu Filho bendito por nós todos deu!

Oh! Graça real! Foi assim que Jesus,

Morrendo, seu sangue por nós derramou.

Herança nos céus, com os salvos em luz,

Legou-nos aquele que o preço pagou.

Tal prova de amor nos persuade a confiar

Nos merecimentos do Filho de Deus!

E quem, a Jesus, pela fé se entregar,

Vai vê-lo sentado na glória dos Céus.

ORAÇÃO DE LOUVOR

Culto Infantil

LEITURA — MATEUS 6,24–34

Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se de um e amar ao outro, ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas.

Por isso, vos digo: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes? Observai as aves do céu: não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros; contudo, vosso Pai celeste as sustenta. Porventura, não valeis vós muito mais do que as aves? Qual de vós, por ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado ao curso da sua vida? E por que andais ansiosos quanto ao vestuário? Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham, nem fiam. Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós outros, homens de pequena fé? Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos? Porque os gentios é que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.

Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal.

MENSAGEM — REV. ADEMIR AGUIAR

ORAÇÃO FINAL

BÊNÇÃO APOSTÓLICA

AMÉM TRÍPLICE

POSLÚDIO
Created By
Marcelo Smargiasse
Appreciate

Made with Adobe Slate

Make your words and images move.

Get Slate

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.