Sismos e vulcões

Sismos

Os sismos são movimentos bruscos da crosta terrestre ao longo de um plano de falha, com libertação súbita de energia.

Quando o epicentro do sismo ocorre no oceano, forma-se uma onda gigante com grande poder de destruição - tsunami.

A sismicidade ou atividade sísmica de uma área refere-se à frequência, tipo e tamanho dos terremotos registrados ao longo de um período de tempo na região

Os terramotos são medidos através de observações de sismógrafos. A escala de magnitude de momento é a forma mais comum para medir a magnitude de tremores de terra mais fortes relatados por todo o globo. Os terremotos abaixo da magnitude 5, menores e mais numerosos, que são relatados por observatórios sismológicos nacionais são medidos principalmente na escala de magnitude local, também referida como a escala de Richter.

Os maiores sismos de sempre

  • Valdivia, Chile - 22 de maio de 1960 - 9.5 pontos de magnitude
  • Sumatra, Indonésia - 26 de dezembro de 2004 - 9.2 pontos de magnitude
  • Alasca, EUA - 27 de março de 1964 - 9.2
  • Costa de Honshu, Japão - 11 de março de 2011 - 9.2
  • Kamchatka, ex-União Sovoética - 4 de novembro 1952 - 9
  • Arica, Chile - 13 de agosto 1868 - entre 8.5 e 9
  • Maule, Chile - 27 de fevereiro de 2010 - 8.8
  • Equador e Colômbia - 31 de janeiro de 1906 - 8.8
  • Lisboa, Portugal - 1 de novembro de 1755 - 8.7
  • Assam - Tibete - 15 de agosto de 1950 - 8.7
Vulcanismo

A erupção vulcânica é um fenómeno da natureza, geralmente associado à libertação do magma de regiões profundas da Terra na superfície do planeta.

Nos vulcões são expelidos diferentes tipos de materiais do interior da Terra e, dependendo da natureza desses materiais, estes podem provocar diferentes impactes nos ecossistemas. No caso de lavas, pode ocorrer a destruição de seres vivos, habitats e património edificado. A libertação de cinzas e gases pode ser tão poluente para a atmosfera como a atividade industrial e, para além disse, pode destruir infraestruturas e ter graves implicações na economia.

As medidas governamentais de prevenção de risco vulcânico incluem a construção de cartas de risco vulcânico, a motorização de aparelhos vulcânicos, entre outras. Sensibilizar e educar as populações sobre a correta atuação numa situação de risco vulcânico é, também, uma medida preventiva importante.

As erupções vulcânicas mais destruidoras de sempre:

  • Planalto de Deccan, Índia
  • Parque Nacional de Yellowstone, EUA
  • Thera, Santorini, Grécia
  • Monte Vesúvio, Itália
  • Laki, Islândia

Report Abuse

If you feel that this video content violates the Adobe Terms of Use, you may report this content by filling out this quick form.

To report a Copyright Violation, please follow Section 17 in the Terms of Use.